Bolsa Família paga retroativo para milhares de famílias com benefício bloqueado

bolsa familia
Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil/Arquivo

O Bolsa Família, programa social do Governo Federal, paga parcelas retroativas para famílias que tiveram o benefício bloqueado. Entenda neste artigo como funciona o pagamento atrasado e como evitar que o benefício seja bloqueado.

Bloqueio do Bolsa Família

Periodicamente o Governo verifica se as famílias cumprem os requisitos para permanecer sendo beneficiada pelo Bolsa Família, para continuar recebendo, elas devem  cumprir as seguintes regras:

  • Manter o cadastro da família atualizado no CadÚnico; 
  • Renda familiar de acordo com o limite; 
  • Frequência escolar das crianças da família
  • Carteira de vacinação das crianças atualizada; 
  • Acompanhamento nutricional (para crianças até 7 anos); 
  • Acompanhamento pré-natal para gestantes.  

Quando são descumpridos, os beneficiários são notificados no Caixa Tem e convocados a prestar esclarecimentos e atualizar seus dados no Cadastro Único.

Caso não cumpram o prazo, o Bolsa Família pode ser cancelado.

Desbloqueio e Parcela Retroativa:

Após a atualização cadastral, o benefício é desbloqueado automaticamente pela gestão municipal.

O prazo médio para desbloqueio é de cerca de 90 dias.

Os valores bloqueados em conta serão pagos de forma retroativa para aqueles que comprovarem que têm direito a receber o benefício.